30.6.06

Página 96: Laços livres (sem paradoxo)


Sim, vem, corda nova, reforçar o elo com que prendo.
Mas aprende, com humildade, se tal é possível nessa tenra idade,
que os fios quebrados no meu corpo de cingir,
são amarras cortadas em honra da liberdade!

4 Comments:

Blogger Spitfire said...

Aprender é difícil... requer trabalho, sacrifício... mas a bem da liberdade... é um sacrifício nobre.

junho 30, 2006 4:53 da tarde  
Blogger Elipse said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

julho 01, 2006 11:16 da tarde  
Blogger Elipse said...

Como podes prender e continuar livre?
Ensinas-me?

(fui eu que apaguei o anterior. Levava gralha)

julho 01, 2006 11:17 da tarde  
Blogger JL said...

Bonito. Gostei do teu regresso. Uma beijoca grande!!!

julho 01, 2006 11:52 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home